Por Favor aguarde...
 
   Lembrar dados
 
   Esqueci-me da password
 
 

  Terça-Feira, 26 de Outubro de 2010


e-Commarketing marca posição em Portugal

publicado por Redacção Kazulo

Alguns dos maiores especialistas ibéricos, na área de e-commerce e de marketing digital, estiveram presentes em Portugal na e-Commarketing Show 2010.


A feira que se realizou de 15 a 16 de Outubro, no Centro de Congressos de Lisboa, apresentou 30 conferências onde estiveram cerca de 72 oradores e moderadores convidados.


Entre fóruns, workshops, seminários e apresentações de casos de êxito, os visitantes também contaram com a presença de vários expositores de diferentes áreas de negócio como logística, plataformas de afiliação, formas de pagamento online, marketing digital e de resultados e soluções de mobile marketing.


Presentes também estiveram os projectos apoiados pela Area Innovation, a Imaginary Cloud, da área de Cloud Computing, e Produtiv, da área de plataformas integradas de gestão.


Paralelamente a este evento, decorreu o Fórum de Investidores Online, uma apresentação privada de projectos online a investidores.



Google e Sapo desiludem

Os casos de sucesso mais esperados na feira acabaram por ser uma desilusão.


A Sapo pautou o discurso pelo apelo claro à venda dos seus serviços, ao contrário do que a maior parte da audiência esperava: um relatar simples de como atingiram o sucesso.


A Google, apesar de ter um discurso mais explicativo, não evitou o jargão técnico e o facto de não se encontrar na feira um funcionário da empresa norte-americana foi pouco abonatório.


Aliás, as duas combinações acabaram por desiludir algumas pessoas e empresários que procuravam aqui uma informação mais explícita.


Fóruns reúnem consenso

Ao contrário dos casos de sucesso, os fóruns reuniram bastante massa crítica e debates interessantes.


O Fórum Reputação Online foi constituído por duas perguntas que ressoaram em todas as comunicações: até que ponto um fã constituí vendas e como se consegue a sua fidelidade?


A fidelidade, concluiu-se, é bastante complicada de se obter. Existem formas de se potenciar os fãs, mas as fórmulas apresentadas baseiam-se ainda muito nos conceitos tradicionais de Marketing.


O espanhol Victor Puig foi o que tocou nos pontos mais sensíveis, ao afirmar que estamos a falar de comportamentos sociais, não de tecnologias nem de modas.


Puig reforçou a ideia de que as empresas têm que ser conscientes de duas verdades: os utilizadores estão sempre à frente da indústria e que, no seu país, confiam piamente nos primeiros resultados da busca do Google.


Já no Fórum sobre Web Analytics o destaque foi para a importância, cada vez maior, de se realizarem testes e de se medirem os seus resultados online, devido à mutabilidade do meio (principalmente do Facebook).


Por esse motivo, ferramentas como o Google Analytics são fundamentais para a medição de resultados e para possíveis projecções dos mercados.


Para o ano há mais

Apesar de algumas falhas e de alguns Case Study não atingirem os objetivos esperados, a Feira pautou-se pela qualidade da maioria dos oradores e moderadores convidados e pela exposição que o WebMarketing conseguiu.


A necessidade de uma feira orientada para esta área específica do e-commerce e do Marketing digital era gritante, principalmente quando ferramentas como Facebook e Google Analytics se tornaram parte do vocabulário geral.

 
Votar
  |   Comentários (4)   |    Enviar por e-mail Enviar por e-mail

 
Comentários  0 Comentários

Não se encontram associados comentários a esta página
 
Sobre

Este blog pretende ser um recurso de informação sobre técnicas de Web-marketing e Comunicação online, com apresentação de novidades sobre SEO, SEM, email marketing e publicidade digital.


Links